Início Saúde da Mulher TPM não é frescura de mulher. O problema leva até 8% a...

TPM não é frescura de mulher. O problema leva até 8% a buscarem tratamento médico!

41
0

Cerca de 80% das mulheres sofrem com os sintomas de TPM (tensão pré-menstrual), aquele período do mês que muitas costumam ficar “insuportáveis”. Para 20% delas,  a intensidade é tanta que chega a atrapalhar as atividades diárias e, dessa porcentagem, de 5 a 8% necessita de tratamento especializado.

Muitos homens podem achar que a TPM é frescura de mulher, que não é tudo isso e talvez nem exista de fato, mas o ginecologista e obstetra Domingos Mantelli Borges Filho explica que os sintomas que antecipam a menstruação são reais, podendo variar de cefaleia, tensão emocional, queixas de inchaço e dores pelo corpo. “Também são comuns, em alguns casos, alterações emocionais mais específicas como irritabilidade e sensibilidade exagerada, crises de choro ou até mesmo de fúria”, informa o ginecologista.

Durante muito tempo acreditou-se que a irritabilidade e sintomas associados poderiam estar relacionados à queda da taxa de progesterona, característica do último quarto do ciclo menstrual. E, neste caso, uma simples ingestão de progesterona seria capaz de atenuar os sintomas apresentados. “Por muito tempo, a TPM foi tratada com reposição hormonal”, diz o médico.

No entanto, ao ser constatado que mulheres que apresentavam tais sintomas durante a TPM possuíam a mesma taxa hormonal que aquelas que não apresentavam os sinais, o tratamento deixou de ter tanta importância. Ainda não existe uma resposta exata que justifique esta mudança no humor na fase pré-menstrual, mas existem suspeitas de que as causas estejam ligadas às alterações hormonais individuais associadas a uma alteração neuroquímica.

Isso porque ocorre uma hiperestimulação da serotonina no período folicular do ciclo enquanto que, no estágio lúteo, a atividade da serotonina seria bem mais baixa. E, nessa fase, uma alimentação rica em triptofano (substância que proporciona a sensação de bem estar e auxilia no combate à depressão) pode auxiliar na atenuação dos sintomas, enquanto que certos alimentos como álcool, café, chocolate e doces em geral podem aumentar a ocorrência dos sintomas da TPM. Entre os alimentos ricos em triptofano estão: leite e iogurte desnatado, queijo branco, nozes, castanha, soja, banana, abacate, arroz, batata, feijão, lentilha, legumes e mel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui