Início Saúde Ambiental Ser Sustentável também significa Ser Saudável

Ser Sustentável também significa Ser Saudável

35
0

100860652Na próxima segunda-feira, 7, o Portal CicloVivo comemora o Dia Mundial da Saúde, criado em 1948 pela Organização Mundial da Saúde (OMS) com o objetivo de conscientizar a população global sobre a importância e as necessidades de se preservar e promover a vida saudável. E a vitalidade do homem nunca esteve tão dependente do uso sustentável de recursos naturais e da necessidade de se cultivar hábitos que promovam o bem-estar físico, mental e social.

Publicado recentemente, um relatório resultante do segundo capítulo do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC), da Organização das Nações Unidas (ONU), veio corroborar o alerta que já havia sido dado na primeira edição do evento, em 2013: reflexos negativos à saúde da população, como redução das safras e das fontes de água potável e poluição do ar, resultam da ação do homem sobre a natureza. O que os 259 pesquisadores-autores que formularam o relatório afirmam, de fato, é que a ação do homem vai colaborar para o aumento de problemas de saúde em muitas regiões do mundo.

Plantar uma horta em casa, usar mais a bicicleta e evitar alimentos industrializados são atitudes pelas quais a natureza e a sua saúde agradecem

“Esse relatório do IPCC aponta que muitos problemas de saúde de ordem global podem ser evitados a partir da gestão sustentável dos recursos naturais”, explica Mayra Rosa, idealizadora do portal CicloVivo, para quem a sustentabilidade é uma prática de comportamento que deve ser aplicada no cotidiano de cada um. “A sustentabilidade não deve ser considerada apenas como algo que precisa ser colocado em prática de maneira global. Quando uma pessoa pensa somente no aquecimento do planeta, ela se esquece de que plantar a sua própria horta em casa também é importante e pode trazer benefícios enormes à sua saúde e à de sua família, bem como ao planeta”, afirma.

“A sustentabilidade não deve ser considerada apenas como algo que precisa ser colocado em prática de maneira global. Quando uma pessoa pensa somente no aquecimento do planeta, ela se esquece de que plantar a sua própria horta em casa também é importante e pode trazer benefícios enormes à sua saúde e à de sua família, bem como ao planeta”

Um dos exemplos apontados pelo IPCC de impacto negativo da ação do homem na natureza e, consequentemente, prejudicial à saúde da população, está relacionado ao aumento da temperatura global. Se o planeta estiver 2 ºC ou 3ºC mais quente, produções de culturas como trigo, arroz e milho estarão comprometidas. A insegurança alimentar é uma das principais preocupações quando se pensa em devastação ambiental, explica Mayra. “Saúde e sustentabilidade estão intimamente relacionadas, principalmente quando nos referimos à alimentação e à qualidade ambiental, fatores que exercem influência direta em nossa saúde”, explica ela.

O portal CicloVivo informa sobre saúde e sustentabilidade por meio da divulgação de dados e estatísticas sobre a saúde no mundo. Essas informações trazem exemplos de doenças geradas em consequência da poluição ou alimentação. Tudo isso é muito importante para conscientizar a população e incentivar a mudança de hábitos e, assim, começar a ter atitudes mais saudáveis em todas as áreas da vida. “Ter um estilo de vida mais sustentável abrange muitas áreas e isso também reflete em sua saúde. Quem decide ser mais sustentável prioriza alimentos livres de agrotóxicos ou processados, tenta manter uma rotina de exercícios físicos e busca sempre reduzir a quantidade de gás carbônico gerada por seus hábitos, entre outras coisas”, finaliza a jornalista do site Thais Teisen.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui