Início Últimas Notícias Planos de saúde terão reajuste de até 6,73%

Planos de saúde terão reajuste de até 6,73%

55
9

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) fixou em 6,73% o índice máximo de reajuste para os planos de saúde médico-hospitalares individuais e familiares contratados a partir de janeiro de 1999 ou adaptados à Lei nº 9.656/98.

O percentual incidirá sobre os contratos de cerca de 7,4 milhões de consumidores, ou seja, 13% dos cerca de 56 milhões de consumidores de planos de saúde no Brasil.

O índice de reajuste deste ano não sofre influências das novas coberturas do Rol de Procedimentos 2010.

Como será aplicado o reajuste?

O índice de reajuste autorizado pela ANS pode ser aplicado somente a partir da data de aniversário de cada contrato, sendo permitida a cobrança do valor retroativo caso a defasagem seja de no máximo três meses.

Deverão constar claramente no boleto de pagamento o índice de reajuste autorizado pela ANS, o número do ofício de autorização da ANS, nome, código e número de registro do plano, além do mês previsto para aplicação do próximo reajuste.

A relação dos reajustes autorizados encontra-se permanentemente disponível na página da ANS na internet (www.ans.gov.br).

Entenda a nova metodologia em estudo

A metodologia utilizada pela ANS é a mesma desde 2001 e se baseia na média dos reajustes dos planos coletivos, o que traz algumas vantagens para o beneficiário quando esse índice é aplicado aos contratos de planos individuais.

Em 2011, a ANS espera adotar uma nova metodologia de cálculo, ainda em fase de elaboração.

Órgão regulador e representantes de consumidores, prestadores de serviços, operadoras e demais atores do setor integram a câmara técnica que dará origem à nova fórmula.

Veja simulação de reajuste em planos de saúde com aniversário em maio e mensalidade de R$100,00.

Fonte: ANS

Para quem está pensando em contratar um novo plano de saúde, os preços também devem subir. Os valores dos planos à venda são reajustados pelas próprias operadoras, que têm apenas um limite de 30% para mais ou para menos, definido pela ANS.

Em caso de dúvidas, os consumidores devem entrar em contato com a ANS pelo:
– Disque-ANS (0800 701 9656);
– Na internet, pela página site da agência (no link Fale Conosco);
– Pessoalmente, em um dos 12 Núcleos Regionais da ANS distribuídos pelo País.

9 COMENTÁRIOS

  1. gostaria que fosse feito uma simulação para os dados abaixo;
    meu reajuste de aniversario é julho, a mudança da faixa etaria de 54 anos deu-se em outubro.
    ate setembro paguei $ 162,40 – em outubro tive mdança de faixa etaria e passou para $ 243,81.

    este mes veio $ 271,02 – sendo a diferença de agosto mais mais a de outubro.
    pergunto – como eu tive mudança de faixa etaria o valor que estão me cobrando não gera duplicidade????

  2. Ja que a ANS não regula indices de reajuste para planos coletivos, como vamos nos defender de aumentos abusivos, tais como a DIX colocou em dezembro de 2010 de 36,25% para os clientes do CRC ( Conselho Regional de Contabilidade) do Estado do Rio de Janeiro, Alegando que foi autorizado pelo governo.
    Tenho certeza que alguem esta infringindo a lei, pois em um ano que a inflação não passou de 5% este indice jamais poderia ser liberado, até porque um plano coletivo, tem poder de barganha muito superior ao familiar que teve seu reajuste fixado pelo governo em 6,7%. meu nome é Antonio Guilherme Almeida Barbosa e meu gmail é antonioguilhermeal@gmail.com , Aguardo explicação de qualquer setor do governo, qual o caminho a tomar?

  3. boa tarde meu plano de saude que reajustar o plano em 20% é correto isso? meu plano vence em fevereiro de 2011.javascript:%20postComment(0);

  4. Olá Fernandes,

    Você pode obter todas as informações sobre consultas de reajustes no site da Agência Nacional De Saúde Suplementar, a agência reguladora <a href="http:// :http://www.ans.gov.br/main.jsp?lumPageId=8A9588D425C1ACB20125DFDE913C7F72“ target=”_blank”> <a href="http://:http://www.ans.gov.br/main.jsp?lumPageId=8A9588D425C1ACB20125DFDE913C7F72” target=”_blank”>:http://www.ans.gov.br/main.jsp?lumPageId=8A9588D425C1ACB20125DFDE913C7F72
    Se restar alguma dúvida, a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) tem um canal de Fale Conosco para consumidores de planos de saúde: http://www.ans.gov.br/main.jsp?lumChannelId=8A958

    Abraços, Blog da Saúde

  5. E isso incentiva indiretamente as brigas entre os médicos e planos de saúde, pois acaba saindo consideravelmente prejudicado. O ideal era rever os benefícios financeiros para médicos que atendem a grande massa portadora de plano de saúde.

    Os planos de saúde sofrem reajustes, e os médicos não ganham mais por isso. E os médicos continuam com esse atendimento inferior a população. Muitos reclamam que até com plano de saúde não conseguem a agilidade que buscavam ter.. então é preciso rever o que está acontecendo.

  6. Boa noite a todos. Vocês sabiam que as mensalidades não podem sofrer aumento por mudança de faixa etária quando a pessoa completa 60 anos de idade? E, mesmo para os menores de 60 anos, somente pode haver aumento se previsto o percentual de reajuste no contrato. Ou seja, no contrato não basta estar escrito as faixas-etárias, mas qual o percentual de reajuste a ser aplicado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui