Início Saúde Física O veneno nos temperos, caldos, cereais matinais e margarinas vegetais

O veneno nos temperos, caldos, cereais matinais e margarinas vegetais

108
2

Por que é importante reduzir o consumo de sódio?

Reduza o sal e viva mais quatro anos

– A hipertensão arterial atinge 22,7% da população adulta;

– Consumindo menos sal, os óbitos por acidentes vasculares cerebrais podem diminuir em 15%; e as mortes por infarto em 10%;

– Estima-se que 1,5 milhão de brasileiros não precisaria de medicação para hipertensão e a expectativa de vida seria aumentada em até quatro anos;

– Dados de pesquisa realizada com mais de 54 mil brasileiros em 2011.

Confira as metas nacionais, estipuladas pelo Ministério da Saúde, para a redução do teor de sódio dos alimentos processados no Brasil, escalonadas para 2013 e 2015, que variam de 1,3% ao ano (para temperos à base de alho e cebola para arroz) até 19% ao ano (margarinas vegetais).

O objetivo é melhorar a dieta dos brasileiros e promover maior qualidade de vida. A estimativa é retirar 8.788 toneladas de sódio do mercado brasileiro até 2020. A redução será em temperos, caldos, cereais matinais e margarinas vegetais.

A recomendação de consumo máximo diário de sal pela Organização Mundial de Saúde (OMS) é de menos de 5 gramas por pessoa. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam, no entanto, que o consumo do brasileiro está em 12 gramas diários, valor que ultrapassa o dobro do recomendado.

 

Arquivo

Em abril de 2011, o Ministério da Saúde e Associações que representam a indústria assinaram acordo para reduzir a quantidade de sódio em 16 categorias de produtos, começando por massas instantâneas, pães e bisnaguinhas. No final desse mesmo ano, mais produtos entraram na lista de olho no público infanto-juvenil: batatas fritas e batata palha, pão francês, bolos prontos, misturas para bolos, salgadinhos de milho, maionese e biscoitos (doces ou salgados). Confira o post.

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui