Início Saúde Ambiental Em São Paulo: primeira edição da Virada Ambiental vai tomar 69 parques

Em São Paulo: primeira edição da Virada Ambiental vai tomar 69 parques

58
0

virada_slogan-01Depois de nove edições da Virada Cultural, cinco da Virada Esportiva e três da Virada Sustentável, São Paulo recebe pela primeira vez a Virada Ambiental. “O paulistano já incorporou as outras viradas, mas ainda faltava essa”, afirma Milton Persoli, diretor de parques e áreas verdes da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, idealizadora do projeto.

De hoje (16) até domingo (18), a iniciativa vai ocupar 69 parques municipais em todas as regiões da capital, com atividades gratuitas. Persoli diz que o objetivo do evento é sensibilizar a população para causas ambientais e promover um estilo de vida saudável e sustentável. “Queremos introduzir na população uma reflexão de que ações individuais fazem a diferença e mostrar a importância de contribuir para uma cidade melhor.”

As atividades promovidas, gratuitamente, durante a virada serão divididas por temáticas, como: educação ambiental, artes, esportes, astronomia, coleta seletiva e incentivo à arborização. As atrações espalhadas pela cidade buscam justamente estimular a ação individual: vários parques, como o Buenos Aires, em Higienópolis, e o Ibirapuera, na zona sul, terão pontos de coleta de óleo de cozinha e de pilhas. O parque Luís Carlos Prestes, no Butantã, também recolherá baterias e eletrônicos.

O Parque Ibirapuera terá de fato uma “virada”: o local ficará aberto por 24h no sábado. Nesse período, haverá aulas de ioga e trilhas noturnas.

Também estão programadas atividades para as crianças, como oficina de produção de brinquedos com materiais recicláveis, revoada de pipas e teatro de fantoches. Algumas atividades, embora gratuitas, exigem inscrição no próprio local. O ideal é chegar com uma hora de antecedência. Confira a programação completa no site do evento.

A abertura oficial da Virada Ambiental ocorre às 9h de hoje durante um seminário, no Parque Ibirapuera, sobre licenciamento ambiental, autorização para manejo de vegetação arbórea e intervenções em Área de Preservação Ambiental no município de São Paulo, aberto ao público mediante inscrição.

*Com informações do Estadão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui