Início Saúde Corporativa Planos de Saúde O que fazer quando o prazo de atendimento não é respeitado

O que fazer quando o prazo de atendimento não é respeitado

52
1

Você sabia que para quem tem plano de saúde, uma consulta básica não pode demorar mais de 7 dias para ser marcada? Isso faz parte da Resolução Normativa n. 259 da ANS que entrou em vigor em 19 de dezembro de 2011. A resolução busca garantir prazos para os atendimentos, a fim de não permitir que as operadoras extrapolem o tempo de espera de alguém. Para conferir a tabela de tempo máximo por serviço, clique aqui.

Em acompanhamento feito pela ANS para verificar o cumprimento da garantia de atendimento, foi notado que 96 operadoras médico-hospitalares e 4 operadoras odontológicas ficaram acima da mediana de reclamações de tempo de espera.

Aquelas que não cumprirem os prazos definidos pela ANS estão sujeitas a penalidade de multa de R$ 80.000,00 e R$ 100.000,00 para situações de urgência e emergência. Além disso, em caso de prática reiterada, podem sofrer medidas administrativas, tais como a suspensão da comercialização de parte ou de todos os seus produtos.

Por isso, a ANS pede para os consumidores ficarem atentos. Quando agendar um atendimento com os profissionais de saúde credenciados pelo plano e não conseguir dentro do prazo máximo previsto, entre em contato com a operadora para obter uma alternativa para o atendimento solicitado. Se isso não adiantar, a ANS deve ser notificada.

(Clique na imagem para ampliar)

Imagem: ANS

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui