Universalizar a droga anti-HIV e zerar a transmissão do vírus entre a mãe e o bebê são as metas da ONU para até 2015. É o que indica o relatório divulgado ontem (18) pelo Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS).

O Truvada ajuda a impedir a proliferação do vírus no organismo, o que o torna uma poderosa arma de prevenção. Entretanto, o Ministério da Saúde ainda não decidiu como irá usá-lo em suas estratégias.