Pesquisadores reuniram mais de 900 crianças e as acompanhou até a adolescência para saber os efeitos do sono muito tarde.

O sono ajuda a prevenir doenças e a aumentar a disposição para as atividades do dia a dia.

Pesquisadores dos Estados Unidos observaram uma alimentação rica em fast food entre os adultos que não apresentam sono regular.

Deixar que a criança chore até dormir pode ajudar os pais e melhorar o sono de todos, inclusive do bebê.

O sono recupera as energias e mantém o organismo saudável. Além de evitar diversas doenças.

Cientistas da Brown University pesquisaram a atividade cerebral de diversas pessoas. O resultado mostrou ser uma reação ao possível perigo.

Distúrbios do sono podem prejudicas a saúde, a capacidade de memorização e concentração.

Comer alimentos ricos em gordura saturada, açúcar e com poucas fibras em apenas um dia pode provocar uma desordem no sono.

Pesquisa realizada pela Universidade de Chicago mostrou que o sono extra regula a taxa de insulina.

Pesquisadores estadunidenses analisaram o sono e a alimentação de 477 pessoas para responder a esta pergunta.

Dicas para não sentir-se tão cansado.

Pesquisadores da Flórida estudaram o mecanismo do esquecimento e da lembrança.

Segundo pesquisa norueguesa, jovens não descansam as horas necessárias para manter uma vida saudável.

Falta de ânimo, perda da capacidade de atenção e cognitiva são umas das consequências.

Estudo mostra que o despertar confuso pode provocar comportamento violento.

O estudo foi realizado pela Psychological Science com mais de 193 pessoas.

Apenas um dia altera o funcionamento do organismo, de forma a prejudicar a atenção, a alimentação e a aparência.

Denominado Mioclonia, esses movimentos súbitos devem ser tratados quando atrapalham o rendimento do sono.