O projeto que proíbe a venda e distribuição de sacolas plásticas nos comércios da cidade de São Paulo foi aprovado pela Câmara. O próximo passo fica com o prefeito Gilberto Kassab, que pode vetar ou sancionar a lei.