Especialista fala sobre os riscos da automedicação

Os remédios jogados em lixos comuns podem prejudicar o meio ambiente e a saúde de muitas pessoas.

O governo do Estado de São Paulo implementará um modelo de PPP (Parceria Público-Privada), inédito no país, para o armazenamento e a distribuição de medicamentos.

Quatro exames e um remédio foram atualizados na lista da rede pública. Pacientes com fibrose cística, glaucoma, anemia e câncer se beneficiarão

Remédio mais consumido no País, para dor de cabeça, paga imposto de 27%

Pesquisas de mercado mostram que descongestionantes, vitaminas, analgésicos à base de dipirona, pílula anticoncepcional, antigripais e calmantes são os medicamentos mais vendidos nas farmácias do país

Tomar remédios sem orientação médica traz problemas a longo prazo. Enquete revela que 61% tomam analgésicos sem consultar profissional.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou, no Diário Oficial da União, a suspensão, interdição cautelar e recolhimento voluntário de produtos com irregularidades. Veja quais são.

Grupo formado por instituições será criado para promover ações de conscientização.

O uso indevido de medicamentos pode levar a pessoa à farmacodependência. A desintoxicação e a psicoterapia são alguns dos métodos usados para tratamento.

Senado aprova medida provisória que libera a venda de remédios que não necessitam de prescrição médica nos mercados. Projeto aguarda aprovação de Dilma.

Gratuidade dos remédios contra Hipertensão e Diabetes será implementada até o próximo dia 14. Até hoje, o governo pagava 90% do valor do medicamento e o cidadão tinha que complementar com o restante..

O Ministério da Saúde lançou esta semana a segunda edição do manual para o uso racional de 343 medicamentos que estão entre os mais consumidos em todo o Brasil. Todos estão disponíveis na rede pública, como antibióticos, anti-inflamatórios e remédios contra hipertensão e diabetes.

Já está disponível na internet um prontuário eletrônico capaz de verificar as interações entre medicamentos e assim, evitar reações adversas nos pacientes.

Boa notícia para os portadores de leucemia: o STJ antecipou o fim da patente do medicamento Glivec, do laboratório Novartis, que assegura à empresa a exploração exclusiva de derivados da pirimidina, substância utilizada na produção do medicamento.

O uso indevido de medicamentos atinge diretamente a saúde das pessoas. Por isso, além de tomar remédios apenas sob prescrição médica, é muito importante ter cuidado na hora de armazená-los e ingeri-los.

Sabe aquelas pessoas que estão sempre doentes, que vão ao médico quase que semanalmente, que carregam uma malinha de remédios para onde vão e sempre têm uma história para contar independente da doença que for mencionada no assunto?

Anvisa lança cartilha que visa esclarecer as dúvidas dos cidadãos sobre o uso de medicamentos. A proposta é promover o uso seguro e racional dos produtos.