Os implantes de silicone que geraram tanta polêmica foram finalmente analisados e a Anvisa pode concluir que eles realmente rompem com maior facilidade. Entretanto, não apresentam risco de câncer.

Medidas para as marcas PIP e ROFIL; consultas públicas abertas; dúvidas; o que fazer. Veja tudo neste post.

Reunião para traçar as diretrizes sobre cobertura às pacientes, realização de cirurgia e substituição da prótese quando indicada.

Anvisa descobre que próteses mamárias da marca holandesa Rofil eram terceirizadas pela empresa Poly Implant Prothese (PIP), proibidas no Brasil por serem produzidas com silicone industrial e apresentarem riscos à saúde.

A empresa Poly Implant Prothèse, a PIP, comercializou silicones que são prejudiciais à saúde da mulher. O caso virou questão de saúde pública e o SUS custeará a remoção das próteses em mulheres que apresentam risco de ruptura.