Com o estilo de vida na frente do monitor, muitos problemas de saúde ligados à dor se tornam mais comuns.

De 30 a 50% dos alunos chegam ao 5º ano sabendo identificar letras e palavras mas sem entender o que leem.

Quem tem tendinite sabe que fortes dores são provocadas e que, às vezes, simples tarefas como apertar o botão, são feitas com dificuldade.

Com pequenas mudanças de hábitos, dentistas e professores poderiam evitar as Lesões por Esforços Repetitivos (LER). Profissionais que trabalham em atividades repetitivas, com posições fixas ou posturas viciosas, como dentistas e professores, acabam comprometendo a saúde de suas articulações.

Pesquisas comprovam que a leitura, além de nos capacitar intelectualmente auxilia nas terapias de cura.