Homens precisam lembrar que o diagnóstico precoce tem maiores chances de cura, oferece uma recuperação mais rápida e apresenta menores gastos com procedimentos e hospitalização.

Incidência da doença no Brasil preocupa mulheres que vão às clínicas fazer exames preventivos.

Com as novas técnicas de exames diagnósticos precoces e uma vacina capaz de impedir o desenvolvimento da doença, pesquisadores acreditam que o Alzheimer possa deixar de existir.

Atualmente, existe pelo menos um milhão de brasileiros glaucomatosos e metade desconhecem possuir o problema, segundo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO).

A ideia é conscientizar as mulheres que basta ter peitos para entrar no grupo de risco da doença.

Ainda não há tratamento capaz de impedir ou curar o Alzheimer, mas o quanto antes for diagnosticado pode ser crucial para garantir a qualidade de vida do paciente.

Uma doença que prejudica as articulações do corpo e pode provocar deformações, deve ser a maior preocupação para as mulheres de 30 a 50 anos de idade: a artrite reumatóide. Apesar das mulheres serem as mais afetadas, homens e até mesmo crianças podem contrair a doença.