Estudo aponta que pacientes notam tudo o que ocorre após serem declarados clinicamente mortos.

Por mês, são 66 sacos plásticos por brasileiro. Um saco demora até 400 anos para se decompor. Os aterros sanitários ficam lotados deles e muitos ainda ficam presos em uma corrente de lixo no oceano Pacífico e Atlântico. Mas e se fosse possível converter o plástico novamente em petróleo?

Algumas práticas sustentáveis nas empresas já estão bem difundidas. Encontra-se o uso de papel reciclado, lâmpadas fluorescentes, reciclagem, mas se esquecem de que os copos plásticos descartáveis, um dos elementos mais usados, podem ser um dos vilões da natureza, do orçamento da empresa e de sua consciência ambiental!