A ação foi organizada pela WWF, com o objetivo de atentar a população ao processo de aquecimento global.

Doenças cardiovasculares e câncer de pulmão são alguns dos problemas de saúde que a inalação de poluentes pode causar à população

Se você está entre os fãs incondicionais da bebida, aproveite agora, porque novo estudo realizado por cientistas ingleses aponta que ela está com os dias contados

Apague as luzes e mostre sua preocupação com o aquecimento global.

Os cientistas temem o derretimento das geleiras por causa do aquecimento global, mas ninguém estava preparado para vê-las desaparecer por roubo.

Chegamos à quinta edição da Hora do Planeta, uma mobilização social em que você demonstra a sua preocupação com o aquecimento global ao apagar as luzes durante sessenta minutos, com hora marcada.

Uma maneira de adaptar à vida urbana o modo de produção que hoje necessita de muitos hectares de terra.

O principal personagem do aquecimento global, o dióxido de carbono (CO2), continua preocupando (e muito!). Apesar de pauta constante e alvo diversas iniciativas, a emissão de CO2 não caiu como o esperado e está longe de atingir as metas propostas. É preciso muito mais enforço e comprometimento.

A FAO – Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação – faz diversas campanhas para diminuir o consumo de carne no mundo, já que atribui à indústria 20% das emissões globais de gases do efeito estufa.

Um ano depois da implantação da Lei do Clima na cidade de São Paulo, as principais metas previstas pela gestão do prefeito Gilberto Kassab não saíram do papel.

Desde que o alerta para o aquecimento global foi dado, teorias a respeito do assunto não param de surgir. Há quem diga que o homem é o principal responsável, outros não acreditam no fenômeno, ou acreditam que seja o processo natural do Planeta Terra. E acredite, há teorias de que o mundo está esfriando.

Os estados de São Paulo e Rio de Janeiro foram surpreendidos com chuvas fortes e totalmente fora de época. Para se ter ideia das mudanças climáticas, na última semana a chuva que caiu nas capitais supera, e muito, a média histórica do mês.

Na noite de sábado o mundo apagou as luzes por uma hora em protesto contra o aquecimento global. Foi a 4° edição da “Hora do Planeta”, com 3.483 cidades participantes em 125 países, um recorde de adesão comparado aos anos anteriores.

As mudanças acontecidas mundialmente diante do aquecimento global farão com que doenças transmitidas por mosquitos, doenças respiratórias e problemas intestinais ligados à falta de água só aumentem em todos os lugares.

Tsunamis, enchentes, tremores de terra nas mais altas escalas…Os desastres naturais sempre marcaram épocas ao longo da história. Porém, é de assustar pensarmos que acabamos de inaugurar o terceiro mês do ano e já temos catástrofes épicas para contar.

Anote na sua agenda! No próximo dia 27 de março (sabadão) às 20h30 desligue tudo! Fique no escuro por uma hora e reflita. Batizada de “Hora do Planeta 2010” a ação é uma iniciativa do WWF contra o aquecimento global.

A Amazônia reúne cerca de 33% das florestas tropicais do planeta, e quase 12% de toda a vida natural. Nesse ranking, infelizmente a preocupação com sua preservação fica em último lugar.