Ocultar

Crianças: Tempo demais em frente da TV ou computador? Quais são as consequências?


Crianças que passam muitas horas por dia na frente da TV ou do computador têm mais risco de sofrer problemas psicológicos e de comportamento, mesmo que mantenham alguma atividade física regularmente.

A informação é de um estudo da Universidade de Bristol, na Inglaterra. Os pesquisadores perguntaram a cerca de mil crianças de 10 e 11 anos quanto tempo passam por dia jogando vídeo games ou assistindo televisão. As respostas variaram entre zero e cinco horas.

As crianças também responderam a um questionário para determinar seu estado psicológico, com perguntas como ‘geralmente me sinto sozinho, triste ou com vontade de chorar’, e ‘gosto de brincar sozinho’. Além disso, os pequenos receberam um aparelho que deveriam usar durante uma semana na cintura para medir a intensidade das atividades físicas realizadas.

Consequencias?

De acordo com os pesquisadores, excesso de tecnologia aumenta em cerca de 60% o risco de distúrbios psicológicos, independentemente da quantidade de atividade física que a criança pratique ao longo da semana.

O levantamento apontou que as crianças que passavam duas ou mais horas por dia em frente à TV ou computador eram mais hiperativas, apresentavam déficit de atenção, mais dificuldades em se relacionar socialmente, excesso de timidez e agressividade, além de mais problemas emocionais do que aquelas que passavam menos tempo.

Sedentarismo

Os resultados contrariam ainda alguns estudos realizados anteriormente, que demonstram que as crianças que praticavam atividades físicas compensavam os efeitos negativos das horas passadas em frente a uma tela.

“Percebemos que não há uma ligação entre um nível de atividade maior e um estado mental melhor. As crianças mais inativas, que não passaram a maior parte do tempo na frente da TV ou da internet, também foram bem nos testes psicológicos”, destacou a médica Angie Paige, coordenadora do estudo.

Segundo os pesquisadores, muitos pais, inclusive, acreditam que os filhos podem passar o tempo que quiserem vendo TV ou jogando, desde que compensem se exercitando. No entanto, a médica afirma que o resultado obtido mostra que não há dúvidas de que os pais precisam limitar as horas que os filhos passam na web ou vendo televisão.

Outros estudos e mais consequencias

Uma pesquisa feita pela Universidade de Montreal, no Canadá, apontou que crianças que passam mais tempo assistindo televisão têm um rendimento pior na escola e comem mais alimentos açucarados e gordurosos, que podem resultar em problemas de saúde como colesterol e obesidade.

Nos Estados Unidos e Austrália, por exemplo, os pediatras recomendam que as crianças não assistam mais que duas horas de televisão por dia.

O levantamento foi publicado no jornal americano Pediatrics.


Comente

Deixe aqui sua opinião...