Ocultar

Herpes: Uma bobeada do sistema imunológico


Eles ficam escondidinhos, quietos, só esperando o momento de agir. Quando a defesa do nosso organismo está baixa, pronto, eles atacam! Sabe de quem estamos falando? Do vírus da herpes!

Pode ser que um deles more dentro de você, mas jamais se manifeste. Aliás, muita gente abriga o vírus da herpes sem nem sequer desconfiar.

Entenda

O vírus da herpes tem um comportamento diferente. Ele nunca é destruído. Fica latente, dentro do corpo. Às vezes, se manifesta. Outras, não. Tudo depende do sistema imunológico de cada pessoa. Não manifestar a doença, não significa estar livre do vírus.

Excesso de sol, sintomas da TPM, stress e situações na qual a imunidade do corpo está baixa, como no caso de noites mal dormidas ou consumo excessivo de álcool, são alguns dos fatores que podem “acordar” o vírus da herpes!

Uma coceirinha dá o alarme!

O primeiro sinal da herpes são as coceiras. Depois, o local esquenta e as bolhas se formam. Tipos: Herpes simplex (herpes simples), o responsável pelas feridas labiais e genitais, e o Varicela-zoster, o causador da herpes zoster.

Herpes simples (HSV 1 e 2)

Os vírus do herpes simples têm duas variações:
- O tipo 1: que atinge principalmente os lábios e o rosto;
- O tipo 2:  que promove as lesões genitais.

Ambos são transmitidos por contato direto e nem sempre os sintomas aparecem de imediato. A herpes simples se caracteriza pelo aparecimento de pequenas bolhas agrupadas especialmente nos lábios e nos genitais, mas podem surgir em qualquer outra parte do corpo!

A primeira infecção costuma ser mais grave e o restabelecimento completo, mais demorado. Nas recidivas, os sintomas são os mesmos, mas menos intensos.

Tipo 1: O perigo do beijo na boca

Quando o vírus 1 é ativado surgem feridas nos lábios, na face e até mesmo no nariz, em forma de bolhas agrupadas. As terminações nervosas são afetadas, enviando ao cérebro uma constante mensagem de dor, além de sinais de coceira e de queimação.

O vírus só dá sossego quando o sistema imunológico reage. Enquanto as defesas do corpo não contra-atacam, existem remédios antivirais na forma de pomada e via oral que podem amenizar os sintomas.

É possível ainda prevenir a manifestação do tipo 1 por meio de suplementos de zinco e vitamina C – somente se prescritos pelo médico! É aconselhado também diminuir o consumo de chocolate, amendoim e coco, que contêm arginina, um aminoácido capaz de acionar o vírus.

Talheres ou copos compartilhados e a troca de beijos podem causar a contaminação, mas apenas quando a doença está manifestada. Os sintomas desaparecem em uma semana aproximadamente.

Tipo 2: Prevenção é a palavra-chave

Quanto ao herpes genital, prevenção é palavra-chave. Mas neste caso não adianta nenhum suplemento. O contato sexual é a porta de entrada para o vírus tipo 2 e o parceiro nem precisa ter lesões visíveis para que ocorra a contaminação.

No homem a herpes geniatal gera feridas em todo o pênis e na mulher, espalhadas pela vagina. É importante tomar cuidados de higiene depois da relação sexual e usar sempre o preservativo!

No herpes genital podem ocorrer febre e ardor ao urinar. Algumas pessoas se referem também à sensação de choque, sintoma explicado pela afinidade desse vírus com as terminações nervosas.

Herpes zoster

Presente em mais de 90% dos adultos, o vírus Varicela-zoster se manifesta em seu primeiro contato com o organismo causando a catapora, doença típica da infância. No entanto, o herpes zoster, espécie de reativação do mesmo parasita, passa a agir em razão da baixa defesa do organismo.

O vírus aparece, normalmente, após os 50 anos de idade, se houver queda expressiva da imunidade durante tratamentos de quimioterapia, doenças debilitantes ou nos períodos de estresse intenso. Na maioria dos casos, a doença se manifesta uma única vez e desaparece depois de algumas semanas.

O contágio se dá pelas vias respiratórias ou pelo contato com as lesões. É um vírus altamente transmissível, que se espalha em ambientes onde as pessoas ficam muito próximas, como no trabalho ou em salas de aula.

Sua ação é parecida com o vírus da herpes simples. A diferença é seu impacto nas terminações nervosas: é mais avassalador.

Os principais sintomas são: dores nevrálgicas, coceira, formigamento, dor de cabeça, febre e o surgimento de bolhas na pele semelhantes às da infecção pelo herpes simples. A doença acompanha os trajetos nervosos e costuma atacar só um lado do tórax, das costas, do abdômen ou do rosto.

Seu primeiro indício é uma hipersensibilidade na pele, de tal ordem que até uma brisa passa a ser um tormento. A dor pode ser muito forte. Outra manifestação é a erupção de feridas mais isoladas umas das outras em comparação com as causadas pelo herpes simples tipo 1.

O zoster pode ainda causar inflamação dos nervos (nevralgia pós-herpética), provocando dores que permanecem mesmo depois do fim das lesões.

Quanto mais precocemente for iniciado o tratamento, melhor será o prognóstico.

A herpes apareceu, o que fazer?

Ao menor sinal da doença, procure um médico. Nem pense em estourar ou cutucar os ferimentos. Fazendo isso você pode transmitir a herpes tanto para o próprio dedo, por exemplo, quanto para pessoas próximas. A herpes ainda não possui cura, mas alguns anti-virais podem amenizar os efeitos da doença.

Outra opção é o uso de lasers que podem ser utilizados para encurtar o período de manifestação ou de maneira preventiva.

Na gravidez, a herpes simples pode representar uma preocupação. Dentro do útero a criança está protegida, mas pode ser infectada durante o parto normal. Mantenha seu médico informado.

Lembre-se: para evitar a herpes é importante tentar levar uma vida menos estressante, com boas noites de sono e uma alimentação balanceada, mantendo assim suas defesas sempre alerta!

Vacinas

Vacinas estão sendo testadas para tratamento e prevenção do herpes simples, mas nenhuma comprovou ser totalmente eficaz.

* Com informações da revista Saúde! e portal do Dr. Drauzio Varella.

Comentários

22 Respostas para “Herpes: Uma bobeada do sistema imunológico”
  1. Marina disse:

    Herpes no rosto parece como uma espinha, ou furunculo?Ou aparece somente com bolhas?Ha formação de pus e secreção?

    • blogdasaude disse:

      Olá Marina, a herpes não parece uma espinha ou um furínculo. São pequenas bolhas agrupadas que ficam como um machucadinho. Inicialmente pode haver coceira e ardência no local onde surgirão as lesões. A seguir, formam-se pequenas bolhas agrupadas como num buquê sobre área avermelhada e inchada. As bolhas se rompem liberando líquido rico em vírus e formando uma ferida. É a fase de maior perigo de transmissão da doença. Depois, a ferida começa a secar formando uma crosta que dará início à cicatrização. Abraços, Blog da saúde

  2. Rayssa disse:

    Olá,por favor me ajude!!Apareceu em mim 2 feridinhas,bem pequenas que se parecem espinhas estouradas!Li tudo sobre herpes,mas as imagens não se parecem com o que está em mim.As descrições feitas,dizendo que são bolhas agrupadas também não são o meu caso.Mas mesmo assim estou preocupada.Queria saber o que mais pode ser.Tive um único parceiro durante quase um ano,e somente agora isso surgiu.Gostaria de saber a sua opnião.Aguardo resposta.

    • blogdasaude disse:

      Olá Rayssa, me parece que não é herpes, mas não é possível nenhuma afirmação. Não há como dignosticar o que pode ser sem verificar pessoalmente. Por isso, se as feridinhas não deraparecerem em alguns dias, como acontece com as espinhas, aconselho a você procurar orientação médica. Só assim você poderá esclarecer sua dúvida. Um abraço, Blog da Saúde.

  3. Jose disse:

    Gostaria de saber os alimentos que comer, tenho herpes zoster.obrigado

  4. roney disse:

    ola ,por favor nao sei o que fazer estou a um ano com bolinhas agrupadas que ardem e coçam muito da nas costas e braços nas maos mas , nao descamam somente quando eu passo pomada alguns dias elas secan e ficam o lugar claro , ja estou com depreçao nao sei mas o que fazer ja fui em dois demartologistas um me disse que era eczema o outro so disse , ter isso por toda vida ,que e eczema mas olha na net e nada parecido,com que tenho , forma de cacho de uva o mais proximo. tenho medo deles errarem , minha pele arde e ao mesmo tempo queimao iradia pelos braços e na maioria da uma cocheira ja usei cetaconazol somem mas voltan ,mometasona mas e a mesma coisa , por favor me ajudem

    • blogdasaude disse:

      Olá Roney,
      O diagnóstico só pode ser feito por um profissional da área de saúde que irá examiná-lo, assim como as sugestões de tratamento. Se não está confiante com as consultas que teve, procure um novo médico e exponha todas as suas dúvidas. Abraços

  5. jorge disse:

    meu filho de 10 anos esta com herpes na coxa e e joelho esuqerdo e acima das nádegas, estamos medicando com aciclovir creme, penvir 125 mg e solução de burrow, o problema foi o primeiro diagnostico que só foi descoberto após passar por um pediatra, clínico geral e só quando recoremos a um drematologista conseguimos as respostas, até esse diagnostico a doença evoluiu, estamos preocupados com as marcas e se pela demora de aproximadamente 4 dias isso pode ser ruim para ele….grato

  6. Boa noite a todos, estou divulgando em alguns bog´s o tratamento com a ozonioterapia para herpes. Trabalho com a técnica a dois anos e os resultados são maravilhosos. Esse tratamento consegue negativar o vírus. Gostaria de dufundir mais este tratamento que a muitos vem beneficiando. Fico a disposição para dúvidas a respeito do mesmo. Obrigada e vamos a luta!

  7. Tiago disse:

    Qual o tratamento para hsv 2 na boca?

    • blogdasaude disse:

      Tiago, não cutuque os ferimentos! Isso só irá piorar… Alguns anti-virais podem amenizar os efeitos da doença, mas ela não tem cura. Existe também a opção de lasers que encurtam o período da manifestação. A principal atitude que você deve tomar é IR AO MÉDICO para receber indicação dos medicamento mais indicados para o seu caso. Cuide-se! Abraços

  8. Taís disse:

    A herpes também pode aparecer como um corte na vulva?

    • blogdasaude disse:

      Taís, um dos primeiros sintomas da herpes é o aparecimento de bolhas na região genital. Eventualmente, estas bolhas formam crostas que cicatrizam como pequenos cortes. Então, é possível que a herpes apareça como um corte na vulva. Qualquer anormalidade que você notar no seu corpo, procure um médico! É importantíssimo se tratar com um profissional da saúde! Abraços :)

  9. Valentina disse:

    Estou com herpes labial ha 5 dias, tomando o acivlovir e passando a pomada aciclovir tambem. A bolha ja estourou e secou algumas vezes, e eu continuo colocando a pomada etc. Dessa ultima vez a bolh estourou, a area esta vermleha, devo continuar com a pomada? tenho a sensacao de que toda vez que ue recoloca a pomada, se forma uma nova bolha que depois sai…O QUE DEVO FAZER?

  10. Larissa disse:

    Estou com Herpes Genital, posso passar a pomada Penvir Crene Lábia na vagina?

  11. Douglas disse:

    Ola sou o Douglas estou com uma herpes nas costas e no peito devido ao calor e a minha vida muito corrida neste final de ano . trabalho com publico e não posso deixar aparecer que estou com herpes . estou desesperado . me ajudem

  12. Deise Pinheiro disse:

    Tive herpes ocular pela primeira vez , fui descobrir depois que já estava com bolhas, tomei aciclovir de 200mg de 4 em 4 horas por dez dias e já cicatrizou . Obs. uma semana antes eu estava sentindo uma dor de cabeça muito forte. Agora que já cicatrizou estou sentindo uma dor quando ponho a mão na cabeça e uma coceira constante. O que pode ser isso? Qual medico procuro para resolver?

  13. tom disse:

    tom. tenho herpes a mais de trinta anos, entretanto na quarta feira, sentir ardumes e tomei aciclovir e passei o creme, e continuei tomando, na sexta feira apareceram pequenas bolhas, no sabado mantive frelacoes sem preservativ o, as bolhas nao estouraram, e possivel ter transmitido o viros a minha parceira.

  14. karen disse:

    olá eu tive uma bolinhas nos grandes lábios da vagina , e apenas a primeira que apareceu doeu , ela apareceu sozinha(sem mais nenhuma do lado) e parecia um cabelinho inflamado depois de 3 dias foram aparecendo outras , elas não coçavam e nem doiam ,será qe era herpes ?

  15. patricia lima disse:

    óla meu filho tem 08 anos é contraiu o virus da herps genital em banheiro desde quando descubri em fevereiro todo mes ela volta e dar varias caroço na area genital dele ao redor fica vermelho e coça muito só melhora com dermaceriu hs gel depois de 15 dias ela começa a cecar o que eu faço para prolongar o periodo dela voltar…

  16. gersiane disse:

    oi ,tenho herpes no nariz,fica muito inchado ,muito vermelho e dói muito.oque posso usar ,que não seja aciclovir .tomo sempre o remédio,passo a pomada.fico até com vergonha .meu sobrinho de 6 anos também tem no rosto ,nossa fico com pena dele ,vira um machucado muito feio.oque ele pode tomar .obrigada.

  17. Marcio disse:

    Oi Amigos,

    Eu já tenho Hespes Genital a 3 anos, com crises de cada 15 dias e muito fortes(Sequencia de bolhas), procurei vários urologistas e todos receitavam aciclovir por 7 dias e pomada zovirax para passar 3 vezes ao dia, mas nada adiantava até que fui indicado para consultar com um INFECTOLOGISTA que de inicio me receitou tomar: 2 doses da vacina para VARICELA(30 DIAS DE INTERVALO), e tomar durante 6 Meses ACICLOVIR 400Mg(2 Comprimidos por dia). Desde o inicio do tratamento NÃO TIVE MAIS NENHUMA REINCIDÊNCIA.Estou no último mês de tratamento e minha vida voltou ao normal.Espero que não desistam, pois a melhora existe.Abraços

Comente

Deixe aqui sua opinião...