Ocultar

Suar emagrece?


Muitos acreditam que suar durante a atividade física indica que o corpo está queimando calorias.

Isso é verdade ou mito?

A idéia de que é preciso “suar a camisa” para perder peso está relacionada ao fato de que a aceleração do metabolismo com o exercício aumenta a temperatura física, o que provoca o calor.

Mito

No entanto, embora exercícios intensos estimulem a transpiração, esse sintoma apenas sinaliza que o corpo ultrapassou a média dos 37°C.

As glândulas sudoríparas entram em ação para manter o equilíbrio da temperatura, essencial para a manutenção das funções do organismo.

Durante a atividade física, as pessoas perdem água e sais minerais, além de queimar glicose e gordura, o que de fato leva à perda de peso.

Portanto, o suor apenas atua para manter a temperatura corporal nos níveis da normalidade!

Água ou gordura?

A prática de exercícios com roupas não apropriadas agrava a perda de líquidos e sais minerais e pode levar à desidratação.

Desta forma, a perda de peso será “fictícia”. A diminuição do peso não implicará na queima de gordura e sim perda de água e sais minerais. Basta ingerir alguns copos de água e isotônicos para recuperar o peso perdido.

Atenção!

Agora, se você sua demais e emagrece rápido, é necessário ficar de olho. Esses são sintomas de uma doença endocrinológica caracterizada pela hiperatividade da glândula tireóide, que estimula o aumento da produção de hormônios (T3 e T4) encarregados de controlar o metabolismo.

Com o metabolismo mais rápido, será desencadeado não só a elevação da temperatura corpórea, mas também a queima de calorias.

O que fazer?

As pessoas que suam demais desenvolvem estratégias próprias para controlar o problema:

– Tecidos atoalhados e lenços sempre à mão;

– Roupas de algodão brancas ou pretas;

– Cremes antisudoréicos;

– Trocas de roupa e banhos constantes.

Essas providências podem até trazer alguma sensação de alívio, porém não solucionam o problema e distúrbios corporais.

O recomendado é procurar orientação médica caso perceba alguma alteração ou excesso de suor.

Vários tratamentos podem ajudar, mas só após a uma avaliação de um dermatologista, neurologista e endocrinologista para adotar a procedimento mais indicado.

Homens ou mulheres?

De acordo com um estudo realizado em 2002 pelo Instituto de Fisiologia Ocupacional da Universidade de Dortmund (Alemanha), os homens podem suar 250g por hora ou 70g a mais do que as mulheres!

Entretanto, dados do Instituto Australiano do Esporte indicam que essa característica não significa que as mulheres possuam maior capacidade de regular a temperatura corpórea. Ao contrário, como o índice de suor é inferior, há menor oportunidade para dissipar o calor.

* Com informações do UOL.

Comente

Deixe aqui sua opinião...