Ocultar

Diabetes – Pâncreas artificial otimiza tratamento


Os avanços em pesquisa científica trazem uma boa notícia aos diabéticos. Um estudo divulgado pela revista Science, revelou a funcionalidade do “pâncreas artificial”.

Quem convive com a doença sabe como é complicado ter que furar o dedo várias vezes por dia para medir o nível de glicose no organismo. O protótipo criado por especialistas faz a medição do glucagon – hormônio que eleva a quantidade de açúcar no sangue.

A informação então é enviada a um computador que faz a interpretação dos dados e injeta no organismo a quantidade de insulina e glucagon necessários para manter o nível de glicose no sangue. Com a inovação será possível evitar alguns problemas graves como amputações, paradas cardíacas e cegueira.

Até o momento a novidade atendeu com sucesso pacientes que possuem diabetes tipo 1, que refere-se a 10% de toda a população diabética. Ajustes ainda serão feitos para que o aparelho pode ser utilizado também por pacientes com diabetes tipo 2.

*Com informações do Jornal Hoje.

Comentários

2 Respostas para “Diabetes – Pâncreas artificial otimiza tratamento”
  1. Orlando disse:

    Sou diabético tipo dois cerca de 17 anos. Felizmente, ainda não preciso utilizar insulina. Atualmente, tomo 3 comprimido de gluvance 500/5 (um em cada refeição); 1 comprimido de januvia 100 mg- uma vez ao dia; 1 comprimido de de amaryl 2m (uma vez ao dia). Também faço exercício diarimente, Graças a Deus meu diabete encontra-se controlado.A notícia "Pâncreas artificial otimiza tratamento à diabéticos" traz esperança na melhora da qualidade vida. Atencipadamente, agradecemos os pesquisadores empenhados em minimizar o sofrimento dos diabéticos, quiça encontre o medicamento apropriado para a cura desta doença. Orlando

Comente

Deixe aqui sua opinião...