Apenas hoje (25), o Museu da Imagem e do Som (MIS) promove o evento Só por hoje e para sempre – Um tributo a Renato Russo, homenagem ao líder do Legião Urbana.

O evento marca o lançamento do livro Só por hoje e para sempre (Companhia das Letras), que traz o diário inédito que o cantor escreveu enquanto esteve internado em uma clínica de reabilitação para dependentes químicos, em 1993.

Em 2017, o MIS exibirá um acervo do artista em uma exposição inédita. Mas enquanto esta data não chega, os fãs podem aproveitar a programação de hoje repleta de música, cinema, literatura e várias outras atividades.

Veja a programação:

14h – Exibição do filme Faroeste Caboclo (Brasil, 2013, Direção: René Sampaio, 108 minutos) 
SINOPSE: O jovem João de Santo Cristo abandona a sua vida pobre no interior da Bahia para tentar a sorte em Brasília. Ajudado pelo amigo Pablo, um primo distante, peruano que vivia na Bolívia, ele se torna aprendiz de carpinteiro, mas também se envolve com o tráfico de drogas. Um dia, por acaso, ele conhece a bela Maria Lúcia, filha de um senador. Os dois começam a namorar, mas João mergulha cada vez mais numa escalada de crime e violência – até encontrar seu maior inimigo, o playboy e traficante Jeremias, rival nos negócios e no coração de Maria Lúcia. Uma história de amor, ódio, vingança e violência livremente inspirada na música ‘Faroeste Caboclo’, de Renato Russo. Local: Auditório MIS (172 lugares)

 

16h – Exibição do documentário Rock Brasília – Era de Ouro ((Brasil, 2011, Direção: Vladimir Carvalho, 111 minutos).

SINOPSE: Com imagens de arquivo, filmadas por Vladimir Carvalho desde o fim dos anos 1970, o documentário, co-produzido pelo Canal Brasil, investiga a origem das grandes bandas de rock que tomaram de assalto o cenário musical brasileiro a partir dos anos 80, como Legião Urbana, Capital Inicial, Plebe Rude e muitas outras.  O documentário é permeado por depoimentos dos grandes protagonistas do período, como Renato Russo (em imagens raras e inéditas), Dado Villa-Lobos, Marcelo Bonfá, Dinho Ouro Preto, os irmãos Fê e Flávio Lemos e Philippe Seabra, além dos artistas que se aproximaram dessa turma, como os músicos do Paralamas do Sucesso (Herbert Vianna, João Barone, Bi Ribeiro) e Caetano Veloso. Local: Auditório MIS (172 lugares)

 

17h30 – Bate-papo com Tarso de Melo (Poeta e um dos curadores do projeto Renato Russo na Companhia das Letras), Patrícia Lira (coordenadora do CEMIS – Centro de Memória e do Documentação do MIS), Kadu Lambach (primeiro guitarrista da Legião) e Vladimir Carvalho (documentarista). Local: Auditório MIS (172 lugares)

19h30 – Pocket Show Gui Lopes e Kadu Lambach e Leitura de trechos do diário

Todas as atrações são gratuitas – basta retirar o ingresso com 1h de antecedência na recepção. Completam a programação, durante todo o dia, uma Feira de Vinil; Karaokê; distribuição de brindes e barracas de comidas. Local: Área Externa

Serviço:

Só por hoje e para sempre – Um tributo a Renato Russo

DATA 25.07

HORÁRIO a partir das 14h

LOCAL Auditório MIS (172 lugares) e área externa: Avenida Europa, 158, Jardim Europa, São Paulo – SP

INGRESSO gratuito – para as atividades no Auditório MIS (172 lugares) é preciso retirar o ingresso na recepção com 1h de antecedência

CLASSIFICAÇÃO livre

COMENTÁRIOS:

Comente

Deixe aqui sua opinião...