A campanha Coração Alerta foi criada pela SBCHI (Sociedade Brasileira de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista) e a SBC (Sociedade Brasileira de Cardiologia) com o objetivo de reduzir as mortes por infarto no Brasil. No país, 80 mil pessoas morrem anualmente por conta da doença.

Por isso, o cardiologista e coordenador da campanha, Marcelo Cantarelli, ensina quais são os sintomas do infarto e como ajudar alguém neste momento.

Sintomas:

- Dor intensa no centro do peito e irradiada para a mandíbula, pescoço, ombros e braços (principalmente, o esquerdo);

- Sensação de desmaio;

- Suor excessivo;

- Náusea;

- Falta de ar.

Como ajudar:

- Tranquilize a vítima;

- Não dê nada para ela ingerir;

- Se a vítima desfalecer, confira se ainda há respiração e pulso. Na falta desses sinais vitais, de início aos procedimentos de recuperação cardiopulmonar e mantenha-os até que o socorro chegue;

– Nunca transporte a pessoa desfalecida, pois ela corre risco de morrer no caminho;

- Deixe-a em posição confortável, levemente inclinada e afrouxe suas roupas.

 

Se os sintomas durarem mais de dez minutos, não perca tempo, busque ajuda médica urgente. O ideal é que o paciente seja encaminhado para um hospital na primeira hora do início dos sintomas.

COMENTÁRIOS:

Comente

Deixe aqui sua opinião...