A apneia causa diversos problemas para a saúde, como infarto, derrame, hipertensão, piora na qualidade do sono, diabete e arritmia.

Um dos motivos que leva aos famosos roncos é a obesidade. O peso extra causa acúmulo de gordura na região do pescoço, o que provoca o estreitamento das vias aéreas superiores.

Pesquisadores da Universidade do Leste da Finlândia avaliaram o impacto do emagrecimento em 57 voluntários obesos que sofriam de apneia. Este distúrbio atrapalha o sono  e prejudica o sistema cardiovascular. Após cinco anos de alimentação regrada, as pessoas que perderam apenas 5% do peso original reduziram em 95% o número de interrupções na respiração ou, em certo casos, os roncos acabaram.

Isto confirmou que emagrecer permite a passagem de ar mais facilmente.

COMENTÁRIOS:

Comente

Deixe aqui sua opinião...