Foto: Raquel Morais / G1

Foto: Raquel Morais / G1

Pelo terceiro ano consecutivo o Distrito Federal (DF) adere à campanha mundial “Outubro Rosa”, que promove a conscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo de útero. O Congresso Nacional, Palácio do Buriti, Ponte JK, Palácio do Planalto e a Catedral de Brasília iniciam o mês de outubro iluminados com a cor rosa.

A abertura da campanha acontecerá nesta terça-feira,1º de outubro, às 18h30, no saguão principal do Senado Federal, com o lançamento da exposição fotográfica “Recomeço” e as apresentações do grupo de mulheres percussionistas “Batalá” e do Coral da Câmara. Na sequência, acontece o acendimento das luzes, que ficarão acesas durante todo o mês.

O câncer de mama é uma doença grave, mas que pode ser curada. Quanto mais cedo ele for detectado, mais fácil será curá-lo. Se no momento do diagnóstico o tumor tiver menos de um centímetro (estágio inicial), as chances de cura chegam a 95%, segundo a Femama.

“O diagnóstico precoce é o grande aliado das mulheres. Quanto mais cedo for descoberto, mais fácil e rápido o câncer de mama pode ser curado”, complementa o secretário de Saúde, Rafael Barbosa. Dados de estimativas de incidência para 2012 e 2013 do Ministério da Saúde (MS) e Instituto Nacional de Câncer (INCA), apontam que no DF, são diagnosticados 880 novos casos de câncer de mama. Em 2012, foram registrados 190 óbitos e no ano anterior, 171.

No Brasil, as taxas de mortalidade por câncer de mama continuam elevadas, provavelmente porque a doença ainda é diagnosticada em estágios avançados. Na população mundial, a sobrevida média após cinco anos é de 61%.

PROGRAMAÇÃO OUTUBRO ROSA DF:

outrosa_programacao

Fonte: http://www.df.gov.br/

 

 

COMENTÁRIOS:

Comente

Deixe aqui sua opinião...