Você já ouviu falar em vermicompostagem? É a transformação dos restos da sua cozinha em adubo realizada por minhocas – não precisa ter nojo nem medo, afinal, elas não mordem! A prática permite, além de “reciclar” o lixo orgânico, encher a casa de vasos coloridos e preparar almoços e jantares com ervas, verduras e legumes mais gostosos. Tudo isso em espaços pequenos e sem insetos nem odor de cemitério! Acredita?

“O equilíbrio entre materiais úmidos e secos garante uma boa decomposição, mantendo moscas, baratas e ratos a distância. Ao abrir a tampa para abastecer o minhocário, você ainda sentirá aquele cheiro gostoso de terra molhada”, garante Juliana Valentini, dona do blog De Verde Casa. Saiba como fazer a composteira ideal em casa. Deixe o chorume, líquido nutritivo produzido na composteira, no borrifador. Ele deve ser espirrado em todas as plantas!

PASSO A PASSO

CRIATURAS DO BEM
Minhocas certamente têm mais medo de você do que você delas. E não sairão da caixa para dar uma voltinha pela sua casa. Na maioria das vezes, aliás, você nem as verá, já que elas não gostam de luz e tendem a se esconder quando a tampa da composteira é aberta.

JAMAIS COLOQUE NA COMPOSTEIRA…

Carne de qualquer espécie

Elas não são o alimento preferido das minhocas, têm decomposição lenta e podem atrair moscas.

Frutas cítricas em excesso
O sumo ácido atrapalha o processo de decomposição. Deixe secar cascas de limão, laranja e abacaxi antes de irem para o minhocário.

Papel higiênico usado
Apesar de também ser dejeto, não vale a pena misturar as coisas, certo?

Fonte/fotos: Ana Maria

COMENTÁRIOS:

Comente

Deixe aqui sua opinião...