O laboratório EMS conseguiu um parecer no Tribunal Federal Regional que autoriza a produção da atorvastatina, genérico do remédio Lípitor, da farmacêutica norte-americana Pfizer. A droga é líder de vendas no mundo todo e indicada para reduzir os níveis de colesterol.

A patente do Lípitor havia expirado em julho de 2009, mas uma liminar obtida pela Pfizer conseguiu prorrogá-la até o fim de 2010. No entanto, a nova decisão da Justiça derruba essa liminar e autoriza a EMS a fabricar o medicamento imediatamente.

Segundo Waldir Eschberger Junior, vice-presidente de mercado da EMS, as versões genérica e similar – chamada Lipistat – da atorvastatina serão pelo menos 35% mais baratas do que o medicamento original e devem chegar ao mercado em no máximo 10 dias.

Eschberger Jr. ainda informou que a chegada de um medicamento genérico costuma derrubar os preços do remédio em cerca de 50% no primeiro ano. De acordo com a consultoria especializada no mercado farmacêutico IMS Health, o Lípitor tem a maior receita no mercado mundial de medicamentos, com faturamento de cerca de US$ 11 bilhões. Uma cartela com 30 comprimidos de 10 mg custa, em média, mais R$ 100.

Em relação à decisão da Justiça, a Pfizer informou em nota que a empresa só poderá se manifestar após tomar conhecimento do total conteúdo da liminar.

Patente de farmacêutica

De acordo com a PróGenéricos (Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos), a Justiça brasileira está dificultando as estratégias de farmacêuticas para estender patentes de medicamentos e atrasar a produção de genéricos.

Na última sexta-feira (6), foi derrubada uma liminar da farmacêutica AstraZeneca para a extensão até 2012 da patente do Seroquel no Brasil, medicamento usado no tratamento de distúrbios de comportamento como depressão e esquizofrenia. A empresa possuía, originalmente, direito à patente do medicamento até 2006.

A estimativa é que cerca de 30 casos semelhantes estão com ações pendentes na Justiça.

A AstraZeneca diz que irá recorrer da decisão.

COMENTÁRIOS:

Comentários

2 Respostas para “Genérico para colesterol”
  1. Marcos disse:

    Essa notícia é muito bem-vinda. Este mês minha mãe passou a utilizar o remédio e fiquei surpreso com o preço e por saber que não existia genérico no mercado. Espero que no próximo mês eu já consiga comprar o genérico! ;) Pelo Lipitor 10mg/30 comp eu paguei R$ 88,00 com um desconto super chorado, rs. Abcs!

  2. ana disse:

    eu consegui o remedio para meu pai pelo postinho gratuito por 6meses.procure na sua cidade se informar se eles nao fornece o remedio gratuito demorou 4meses+ou- pra chegar mas pelo valor vale a pena esperar

Comente

Deixe aqui sua opinião...