Enquanto aqui a Lei Seca tem o objetivo de diminuir os acidentes de trânsito causados por motoristas embriagados, no norte da Itália, uma nova medida tem intenção de conscientizar as pessoas a não ultrapassarem o limite a ponto de precisar chamar a ambulância.

Quem apresentar taxa de álcool acima de 1,5 grama de álcool por litro de sangue e precisar ser levado por uma ambulância ao hospital, terá que pagar 200 euros para cobrir as despesas.

A norma entrou em vigor em Bolzano, situada no norte da Itália, com o intuito de vetar o transporte gratuito para quem estiver em estado de embriaguez – já que não é considerado caso urgente.

O caminho é nunca deixar-se levar pelo excesso. As controvérsias geradas com a medida é de que os jovens não chamem as ambulâncias para não terem de gastar dinheiro ou por não terem a quantia.

A lei ainda não foi aplicada, já que falta instrução aos profissionais de saúde para saber como cobrar a taxa nesses casos.

O que acha da medida? Deixe seu comentário!

*Com informações da AE

COMENTÁRIOS:

Comentários

2 Respostas para “Bêbados terão que pagar a ambulância na Itália”

Comente

Deixe aqui sua opinião...