Fim de ano, época de festas, férias escolares, no trabalho, e para onde o paulista vai? Para a praia. Essa é a diversão maior dos paulistas que ficam em contato com o concreto da grande cidade o ano inteiro.

A qualidade da água nas praias piora graças a grande quantidade de gente que frequenta o litoral nesse período do ano. Além disso, a alimentação das pessoas acaba ficando por conta das barraquinhas e quiosques a beira mar.

Esse cenário é propício para que as pessoas contraiam doenças como a diarreia, por exemplo. É o que está acontecendo com as pessoas que frequentaram o litoral paulista nesse fim de ano. Só no Guarujá, foram registrados 780 casos de diarreia desde o dia 31 de dezembro até do dia 3 deste mês.

A causa desse surto de diarreia que começa a atingir a capital, não tem causa específica, pode ser um vírus, uma bactéria ou um parasita. A recomendação é de que as pessoas redobrem os cuidados com a higiene, procurem não ingerir alimentos dos quais não se sabe a procedência, e tomem bastante água.

Na semana passada, a Vigilância Sanitária coletou amostras de água das praias do Guarujá, para serem analisadas pelo Instituto Adolfo Lutz. O resultado deve sair em 10 ou 15 dias.

Enquanto o resultado não sai, procure se proteger contra a diarreia!

COMENTÁRIOS:

Comentários

Uma Resposta para “Depois da virada, um presente desagradável para os paulistas”

Comente

Deixe aqui sua opinião...